O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarou, em evento da Marinha no Rio de Janeiro, nesta quarta-feira (01), que é necessário se preparar para a guerra para ter paz. A fala do mandatário ocorreu durante a participação em um evento para entregar cinco medalhas Mérito Desportivo Militar no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (Cefan).

“Com flores não se ganha a guerra. Se você fala de armamento (…) Se você quer paz, se prepare para a guerra”, afirmou o capitão do Exército, que também falou sobre a situação dos trabalhadores durante a pandemia. Jair disse que “tinha que saber como se sentiam” os trabalhadores informais e que nunca deixou de “estar no meio do povo”.

Após entregar a medalha de honra ao boxeador Hebert Conceição – que venceu a medalha de ouro nas Olimpíadas de Toquio -, Bolsonaro disse para o atleta “enfiar a porrada”.

As declarações do presidente ocorrem sete dias antes dos atos convocados por ele para que apoiadores manifestem sua aprovação ao seu governo. Com tons autoritários, o chefe do executivo prometeu participar dos atos em Brasília e em São Paulo. Acompanharam o presidente os ministros Walter Braga Netto (Defesa), João Roma (Cidadania) e Onyx Lorenzoni (Trabalho e Previdência).