RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O Flamengo chegou a abrir 2 a 0 no placar contra o Athletico-PR nesta terça-feira (2), aproveitando tarde inspirada de Gabigol, que marcou duas vezes, mas caiu de produção na etapa final e cedeu empate em 2 a 2 ao time da casa na Arena da Baixada.

O camisa 9 flamenguista abriu o placar aos 17 minutos e ampliou aos 28, o que parecia encaminhar uma boa revanche de sua equipe após a eliminação para o Athletico na Copa do Brasil na semana anterior, desta vez em partida atrasada da quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

No entanto, Renato Kayzer diminuiu no segundo tempo, também aos 17 minutos, e Bissoli castigou de vez os flamenguistas ao igualar o placar aos 49 do segundo tempo, aproveitando falha de Diego Alves, que saiu mal do gol após cobrança de escanteio.

O empate fez o Flamengo chegar aos 50 pontos e ao menos diminuir a distância para o líder Atlético-MG para nove pontos, com ainda um compromisso a menos. Já o Athletico passou a somar 35 pontos, ainda em situação perigosa, apenas cinco acima da zona de rebaixamento.

O time paranaense se prepara agora para uma prévia da final da Copa Sul-Americana: visitará o Red Bull Bragantino no domingo (7), em Bragança Paulista (SP). Já o Flamengo receberá o Atlético-GO na sexta (5), em nova partida atrasada, desta vez válida pela 19ª rodada.

ATHLETICO-PR
Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolás Hernández (Pedrinho); Marcinho, Erick (Bissoli), Léo Cittadini (Christian) e Abner (Jader); Terans, Nikão e Renato Kayzer. T.: Alberto Valentim

FLAMENGO
Diego Alves, Isla (Matheuzinho), Gustavo Henrique, Léo Pereira e Ramon; Willian Arão, Andreas (Rodinei) e Everton Ribeiro (João Gomes); Michael (Bruno Viana), Vitinho (Thiago Maia) e Gabigol. T.: Renato Gaúcho

Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Árbitro: Marielson Alves (BA)
Auxiliares: Alessandro Alvaro (BA) e Elicarlos Franco (BA)
VAR: Márcio Henrique de Gois (SP)
Cartões amarelos: Thiago Heleno, Terans, Renato Kayzer e Nicolás Hernández (CAP); Léo Pereira e Andreas Pereira (FLA)
Gols: Gabigol (FLA), aos 17′ e aos 28’/1ºT; Renato Kayzer (CAP), aos 17′, e Bissoli (CAP), aos 49’/2ºT