O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e seu homólogo da China, Xi Jinping, reúnem-se em uma cúpula virtual, nesta segunda-feira (15), destinada a acalmar as tensões acumuladas sobre a questão de Taiwan e outros temas quentes, embora não se espere grandes resultados.

Os dois presidentes conversaram longamente por telefone duas vezes desde a posse de Biden em janeiro. Dada a recusa de Xi em viajar para o exterior devido à pandemia, optou-se por uma reunião online para manter conversas diretas.

Os assessores de Biden apresentam a cúpula como uma oportunidade para tentar evitar uma escalada das tensões, especialmente em relação a Taiwan, uma democracia autônoma que a China considera uma província turbulenta.

“Sabemos que, como líder global responsável, é importante manter os canais de comunicação abertos”, disse um alto funcionário do governo dos Estados Unidos a jornalistas, observando que a “competição” entre as duas potências não deve levar a um “conflito”.