Superintendente do Detran-PB diz que estados buscam se adequar a nova lei que dá brecha para que carros não sejam guinchados

single-image

O superintendente do Detran-PB, Isaías Gualberto, informou que os Detrans dos estados estão buscando se adequar à nova lei que dá brecha para que carros não sejam guinchados, em casos de irregularidades. Sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro, a nova regra ‘perdoa’ condutores com um prazo de 15 dias para regularizar os veículos.

Essa tolerância vale somente para casos em que não haja comprometimento da segurança do veículo, como os com ausência de uma ou duas placas, placas apagadas ou sem visibilidade, lacres ou numeração de chassi violados ou ausentes.

Isaías Gualberto considera um retrocesso a mudança e disse que isso pode comprometer a segurança no trânsito. Ele destacou também que, internamente, o Detran-PB já discute a aplicação da nova norma.

As informações são do Click PB