Após OMS decretar emergência internacional por varíola dos macacos, Paraíba segue sem casos confirmados e suspeitos

Após a Organização Mundial de Saúde (OMS) decretar emergência internacional pela varíola dos macacos, a Paraíba segue sem casos confirmados e suspeitos da doença. A informação foi repassada ao ClickPB pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-PB).

Ainda segundo a Secretaria, quem apresentar sintomas da varíola dos macacos deve procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) para receber os primeiros atendimentos e encaminhamentos.

A decisão da OMS em declarar emergência internacional pela varíola dos macacos ocorre por causa da expansão da transmissão da doença e o potencial risco de contaminação. As autoridades foram acionadas a aumentar o monitoramento em torno da varíola dos macacos.

A varíola dos macacos já chegou a 75 países, inclusive no Brasil. São 13 estados brasileiros e o Distrito Federal com a doença, sendo 438 casos em São Paulo, 86 no Rio de Janeiro e 33 em Minas Gerais. Ao redor da Paraíba, Pernambuco tem 3 casos, Rio Grande do Norte tem 2 e Ceará também registra 2 casos.

A varíola dos macacos é uma doença causada por vírus e transmitida de animais para humanos. Foi registrada pela primeira vez em 1970 em humano e, normalmente, o vírus fico restrito à África, mas, agora, se espalhou pelo mundo, com surto confirmado em maio deste ano. Entre os sintomas estão dor de cabeça, dores musculares, linfonodos inchados, febre, arrepios e erupções cutâneas, que são os ‘caroços’ visíveis na pele. Os cuidados são semelhantes aos tomados contra o coronavírus: distanciamento, higiene das mãos, máscara e outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.